• Gustavo Calçavara

Saiba quanto rende a poupança e porque escolher outros investimentos!

Atualizado: 25 de abr.

Você percebeu que, com o passar dos anos, acompanhar quanto rende a poupança se tornou um motivo de preocupação para muitos investidores, certo? Esse é o tipo de notícia que qualquer pessoa que atua no mercado financeiro sabe e até mesmo isso ocorreu por conta dos lucros desse tipo de aplicação – que estão em movimento de queda já há algum tempo.


Para tirar algumas dúvidas que ainda se mantém sobre o assunto, nós do blog da EA Banking School preparamos um conteúdo falando sobre o funcionamento dessa carteira e qual a rentabilidade dela comparado a outras opções de aplicações!

E se ainda não definiu quais os tipos de investimentos são os melhores para seus objetivos, não deixe de conferir o post "Perfil de investidor: como definir?"!


Afinal, quanto rende a poupança?

O que exatamente é a poupança? Como ela é calculada?


A caderneta de poupança é uma das aplicações de mais fácil acesso para quem quer guardar dinheiro. Ela funciona assim como outros investimentos: o indivíduo coloca determinado valor na conta e deixa ele na aplicação para que ela renda juros em alguns meses ou anos.


O que tornou a poupança tão popular é o fato de que mesmo quem é leigo no mercado de investimentos consegue, com poucos cliques, abrir sua própria conta desse tipo em qualquer instituição bancária que use. Além disso, essa carteira não exige grandes manutenções, pois seu valor se mantém estável por um ano inteiro – o que é consequência direta da maneira que acontece o rendimento nesse modelo.


Falando de maneira técnica, essa aplicação funciona a partir da relação de duas taxas, a Selic e a Referencial. Cada uma dessas variáveis representa uma parte que compõe a rentabilidade da poupança:

  • Taxa Referencial: o valor mensal desse encargo determina a Remuneração Básica;

  • Taxa Selic: é o que permite o cálculo da Remuneração Básica que sempre representa uma porcentagem do total de rendimento da Selic.

Outro fator que não podemos esquecer, é que a carteira de poupança possui ligação direta com a inflação de nossa moeda. Sendo que o primeiro valor deve sempre superar o segundo, pois isso irá permitir que o dinheiro investido seja realmente valorizado.


Quanto rende a poupança? Veja o histórico!


Como o rendimento da poupança varia conforme o valor médio da Taxa Selic, todos os anos temos uma nova média de quanto essa aplicação será lucrativa nos próximos 12 meses. Isso quer dizer que não podemos responder um com um valor exato que será válido daqui para frente, mas é válido entender qual a tendência de rendimento desse tipo de investimento.


Confira a tabela com o histórico anual da poupança!


Ano

Rendimento absoluto da poupança

Inflação

Rendimento real

2012

6,47%

5,84%

0,60%

2013

6,37%

5,91%

-0,12%

2014

7,16%

6,41%

0,71%

2015

8,15%

10,67%

-2,28%

2016

8,30%

6,29%

1,89%

2017

6,61%

2,95%

3,55%

2018

4,62%

3,75%

0,84%

2019

4,26%

4,31%

-0,05%

2020

2,11%

4,52%

-2,30%

2021

2,94%

10,06%

-6,37%


Não foi uma queda pequena, não acha? Confira como essa redução refletiria em um investimento!


Qual o ganho se eu aplicar R$50 mil na poupança?


Para simular qual seria o ganho em um investimento desse tipo, vamos utilizar os dois extremos do histórico que trouxemos: 8,30% de rendimento absoluto, maior valor da tabela alcançado em 2016, e 2,11%, o número menos expressivo dessa aplicação que foi alcançado em 2020.

  • no melhor cenário, caso aplicasse R$50 mil na poupança e deixasse render por todo o ano, o rendimento absoluto seria de R$4.150,00 a.a.;

  • utilizando a taxa de 2020, se fossem aplicados os mesmos R$ 50.000,00, você receberia de lucro apenas de R$ 1.055,00 a.a..

E se investir R$ 1 milhão? Quanto rende?


Utilizando os mesmos parâmetros da simulação anterior, mas dessa vez usando o valor de R$ 1.000.000,00 como base, teríamos o seguinte resultado:

  • com o rendimento absoluto de 2016, o maior observado no comparativo que fizemos, ao fim de um ano essa aplicação teria alcançado R$83.000,00 de lucro a.a.;

  • já se for calculado com o quanto rendeu a poupança em 2020, o ganho final seria de R$21.100,00 ao fim de um ano.

Mesmo no pior cenário, com a taxa de 2,11%, o ganho existira. Mas, não podemos deixar de observar que esse valor ainda é um lucro muito baixo para se alcançar, caso deixe um valor tão alto aplicado por todo o ano, você não acha? É por isso que essa carteira deixou de ser uma opção popular entre os profissionais do mercado financeiro!


Comparativo entre quanto rende a poupança e outros tipos de aplicações


Caso queira manter seus investimentos em um mercado de renda fixa, mas fugir da opção menos rentável que é a poupança, existem diversas opções para escolher. Para demonstrar três opções de carteira em que pode aplicar seu dinheiro e lucrar muito mais, preparamos um comparativo utilizando os percentuais absolutos de cada um desses fundos no ano de 2021.


Confira a simulação!

Valor inicial

Poupança

Tesouro Selic

LCA 97% CDI

LCI 100% CDI

R$ 100.000,00

+ R$ 2.940,00

+ R$ 4.380,00

+ R$ 4.250,00

+ R$ 4.380,00

Mesmo esses mercados que são fáceis de entrar podem alcançar quase o dobro de rendimento que a opção menos lucrativa e essa diferença não pode ser ignorada!


Agora que sabe mais sobre quanto rende a poupança, se você ainda tem algum montante aplicado lá, é hora de retirar, não acha? Conte com o blog da EA Banking School para sempre aprender mais sobre o mercado financeiro e conseguir aumentar seus rendimentos!