• Sirlo Oliveira

Certificação CEA: um guia importante e como obter a sua!

Se você está procurando crescer profissionalmente na carreira bancária ou na área de investimentos, deve conhecer a Certificação CEA.


Trata-se de uma certificação exigida para atuar em diversas áreas do ramo financeiro. Para te ajudar a entender um pouco mais sobre ela e quais os passos para realizar a prova, nós preparamos este conteúdo especial respondendo várias dúvidas sobre o assunto. Confira!


O que é e para que serve a certificação CEA

O que é uma Certificação CEA?


A Certificação ANBIMA de Especialistas em Investimento, a CEA, é uma certificação criada para reconhecer profissionais do mercado financeiro como aptos e habilitados a atuar como especialistas em investimentos, validando seus conhecimentos para:

  • recomendar produtos de investimento para clientes de diferentes segmentos;

  • oferecer assessoria para gerentes de contas;

  • indicar produtos do mercado financeiro e de capitais;

  • exercer as atividades que as certificações CPA-10 e CPA-20 abrangem;

  • recomendar produtos de previdência complementar aberta;

  • atuar diretamente em agências bancárias, instituições financeiras, segmentos de alta renda, Private e Corporate.

A CEA foi criada a partir de uma pesquisa realizada com profissionais da área financeira, que levantaram as habilidades indispensáveis para realizar as atividades do cotidiano de um especialista em investimento. É a certificação ideal para pessoas que desejam se diferenciar no mercado de trabalho e, dependendo da função a ser exercida, ela é obrigatória.

CEA 4.5 - Curso Completo e Gratuito


O que é a ANBIMA?


A ANBIMA, sigla de Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais, é uma das maiores entidades financeiras do Brasil, com grande relevância para que ocorra um bom funcionamento dos mercados financeiro e de capitais no país.


A ANBIMA é autora de diversas boas práticas para empresas e instituições financeiras, como bancos, corretoras, gestoras, administradoras e distribuidoras, além de ser a entidade que oferece certificações, como a CEA, para os profissionais que querem atuar na área.


Quem pode tirar a CEA?


Não há pré-requisitos para quem deseja obter a Certificação CEA, inclusive não é necessário ter curso superior. Segundo a ANBIMA, a CEA é destinada a diferentes públicos como estudantes e profissionais de órgãos públicos, profissionais de instituições financeiras ou que trabalham em instituições que seguem o código da ANBIMA.


Agora que você já entendeu o que é e para que serve a Certificação CEA, é hora de entender melhor como fazer para conseguir essa certificação. Vamos lá?


Como obter a Certificação CEA?


Para tirar a CEA é preciso basicamente seguir 4 passos: fazer a inscrição, realizar o pagamento, agendar o dia do exame e realizar a prova de 70 questões. Para obter o certificado, é necessário alcançar, ao menos, 70% de aproveitamento. Falaremos de cada etapa a seguir:


Inscrição e Pagamento


A inscrição da CEA deve ser realizada unicamente no site da ANBIMA, preenchendo o formulário com todas as informações solicitadas. Em relação a valores, existem dois diferentes: a Certificação CEA custa R$ 520,00 para associados e R$ 630,00 para quem não faz parte de empresas conveniadas da ANBIMA. Vale a pena sempre consultar o site para ter em mãos os valores atualizados.


Agendamento


Somente após o pagamento confirmado é possível fazer o agendamento da prova da CEA no site da ANBIMA. Após a confirmação, a pessoa candidata tem até 60 dias para fazer o agendamento do exame e, se por acaso perder este prazo, a inscrição é excluída automaticamente, sem a restituição do valor da taxa de inscrição. O exame da CEA é feito presencialmente nos principais centros urbanos do país.


Prova


Como já adiantamos, o exame da CEA tem 70 questões, duração de 3h30 e, para ser aprovado, é necessário acertar 70%. A aplicação das provas é de responsabilidade da FGV, sendo realizada por meio de computador, além de ser permitido o uso de calculadora financeira.


O que estudar para a prova da CEA?


Muitas são as dúvidas sobre o que cai na prova da CEA. O exame é norteado em 7 módulos e a própria ANBIMA dá orientações sobre estes temas com pesos diferentes, confira:

  1. Sistema financeiro nacional e participantes do mercado (5% a 15%);

  2. Instrumentos de Renda Fixa, Variável e Derivativos (15 a 25%);

  3. Princípios Básicos de Economia e Finanças (5% a 15%);

  4. Fundos de investimento (10% e 20%);

  5. Gestão de Carteiras e Riscos (10% a 20%);

  6. Produtos e Previdência Complementar (10% a 15%);

  7. Planejamento de Investimento (15% a 25%).

Dados sobre a aprovação da Certificação da CEA


Em dados divulgados pela ANBIMA em fevereiro de 2022, o índice de aprovados nos exames da CEA é de 43% e, de 2020 para 2021, houve um aumento de 68% no número de aprovados. Embora seja considerado um exame difícil e exigente para os candidatos, o percentual vem aumentando com o passar dos anos.


Tirei a Certificação CEA, onde posso trabalhar?


Profissionais que possuem a certificação tem um forte diferencial competitivo no mercado. Como o exame não exige nenhum nível de escolaridade, profissionais que se graduaram no ensino superior e têm a certificação largam na frente. Inclusive fizemos um artigo contando quais cursos fazer para trabalhar em banco, não deixe de conferir.


Como já adiantamos anteriormente, quem tem o certificado CEA pode trabalhar em bancos, agências, private banking, corporate banking e outras instituições financeiras.


Quanto ganha quem tem a CEA?

O salário de um profissional com CEA pode variar de acordo com diversos fatores como cargo, região do país e instituição, entretanto, estima-se que a média de salário dos profissionais que tem a CEA é de R$ 6.000,00 mais benefícios. Bastante atrativo, não é mesmo?


Você já entendeu a importância da certificação CEA , como ela pode te ajudar a se diferenciar no mercado e alcançar cargos importantes no ramo de finanças e capitais, a seguir, falaremos um pouco mais sobre como se preparar para o exame da certificação.


Como se preparar para a prova do CEA?


Conquistar a Certificação CEA pode ser um grande divisor de águas na sua carreira no mercado financeiro e, por isso, a prova é bem exigente. Como falamos anteriormente, a média de aprovação é de 43%, o que mostra que menos da metade dos candidatos conseguem alcançar 70% de aprovação nas questões.


Então, antes de tudo, vale a pena contar com apostilas e fazer simulados das provas dos anos anteriores, uma vez que isso te ajudará a ter uma noção dos tipos de questões que você poderá enfrentar no dia da avaliação.


Outra dica bastante importante é realizar o agendamento da prova com uma margem de tempo considerável, a fim de conseguir organizar um cronograma de estudos com tempo hábil para passar por todos os módulos de estudo.


Uma alternativa que ajuda a aumentar as chances de passar é fazer um investimento em um curso preparatório para a prova da CEA, com uma metodologia e materiais que vão te preparar para a prova e também para o mercado de trabalho.


A EA Banking conta com profissionais altamente qualificados e com um ótimo índice de aprovação, vale a pena conferir.

Esperamos que este conteúdo tenha te ajudado a entender melhor sobre a Certificação CEA e te ajude a dar os próximos passos da sua carreira. Aproveite e veja também nossos conteúdos sobre outras certificações, como a diferença entre a CPA-10 e CPA-20.


Conte com a EA Banking para mergulhar de cabeça no mercado financeiro e alcançar outros lugares e se destacar no mercado. Não deixe de conferir nosso Guia sobre Certificações Bancárias e qual é a melhor para o seu objetivo. Até a próxima!