Como trabalhar com Bitcoin: um guia para quem quer se atualizar

Uma coisa é certa afirmar: todos que trabalham no mercado financeiro atual devem estar alinhados com a transformação dos tempos e, dentro disso, saber como trabalhar com Bitcoin.

Sem dúvidas, o universo das criptomoedas é uma alternativa superinteressante, atual e segura de investimentos, com potencial de retornos satisfatórios. Falando nisso, você já tem alguma familiaridade com o assunto? Saber como trabalhar com criptomoedas pode ser interessante tanto para o bancário quanto para Agentes Autônomos de Investimento.

Quer saber um pouco mais sobre e, ainda, ter dicas de como começar a se envolver em investimentos no futuro? Então continue a leitura!


Simbolo do bitcoin com o texto "Como trabalhar com bitcoin"

Por que devo voltar meu olhar ao mercado de criptomoedas?


Não é de hoje que falamos sobre o mercado de criptoativos e sua amplitude – que vai muito além do Bitcoin, ao ponto em que existem diversas criptomoedas e redes tecnológicas criptográficas. Apenas para fins ilustrativos, nesse universo é possível lidar com:

  • Rede Blockchain;

  • Bitcoin (BTC);

  • Ethereum (ETH);

  • Polkadot (DOT);

  • Cardano (ADA);

  • Binance Coin (BNB)

  • Ripple (RP)

  • Dogecoin (DOGE)

  • Tether (USDT);

  • Chilliz (CHZ).


Além disso, é preciso ressaltar a existência dos tokens de investimento – os security tokens –, e também os tokens de utilidade – utility tokens.

Mas, ainda assim, não temos a resposta para a pergunta desse tópico: por que ficar de olho nas criptomoedas e, sobretudo, no Bitcoin? Veja bem, 13 anos e uma pandemia após o lançamento da primeira criptomoeda, nós podemos afirmar que pelo fato de se encontrarem no mundo digital, elas podem sim resolver problemas da nossa rotina.

A inflação sobre o Real está cada dia maior e, partindo do ponto da instabilidade monetária e política, o potencial de valorização de toda uma cadeia de criptoativos e, principalmente, do Bitcoin é algo previsto pelos especialistas. Além do mais, é também palpável até para as instituições financeiras centralizadas – ainda que estejamos falando de um leque de moedas digitais de descentralização financeira.

Assim sendo, é possível ganhar dinheiro com Bitcoin, ainda que as instituições financeiras sejam, em sua maioria, centralizadas. O mais interessante é a atuação do profissional financeiro para isso: se antes as negociações não passavam pelas mãos e conhecimento do bancário ou AAI, hoje em dia a conversa já é outra, a ponto do conhecimento em blockchain, criptomoedas e Bitcoin ser, agora, requisito de editais de concursos bancários, como o do Banco do Brasil:


ATUALIDADES DO MERCADO FINANCEIRO:1 - Os bancos na Era Digital: Atualidade, tendências e desafios. 2 - Internet banking. 3 - Mobile banking. 4 - Open banking. 5 - Novos modelos de negócios. 6 - Fintechs, startups e big techs. 7- Sistema de bancos-sombra (Shadow banking). 8- Funções da moeda. 9 - O dinheiro na era digital: blockchain, bitcoin e demais criptomoedas. 10 - Marketplace. 11 - Correspondentes bancários. 12 - Arranjos de pagamentos. 13 - Sistema de pagamentos instantâneos (PIX). 14 - Segmentação e interações digitais. 15 - Transformação digital no Sistema Financeiro

Então, a realidade do mercado financeiro moderno é que a atualização tecnológica e o acompanhamento com as novidades do mundo afora estejam em sua mira, afinal, estes conhecimentos sobre como trabalhar com Bitcoin e criptomoedas são requisitos essenciais para que você, aspirante ao mercado financeiro ou já atuante na área, consiga se destacar no universo financeiro contemporâneo e inteligente.


Pegue uma carona na cauda do cometa Bitcoin


A ascensão meteórica dessa criptomoeda também pode ser a sua chance de impulsionar e cravar de vez o sucesso da sua carreira no mercado financeiro moderno. Mas, para isso, você precisa saber como ganhar dinheiro com o ativo digital, e essas são algumas das formas de começar a trabalhar com Bitcoin:


1. Negociações de curto prazo


O mercado financeiro é dinâmico, então uma das formas de aprender a lidar com ele é, de fato, lidando. Com o Bitcoin, é possível ganhar dinheiro rápido com negociações de curto prazo, mas para isso é necessária a habilidade de negociação – que você já tem, não é? E se ainda não tem, nada que uma pós-graduação não consiga te ensinar!

Se fizer sua inscrição em diversas plataformas de negociação de Bitcoins, atuando como Agente Autônomo ou Bancário mesmo, você poderá observar as possibilidades e oportunidades de compra da moeda digital. E, após, as chances de venda.

As negociações se dão 24h por dia, 7 dias por semana, de maneira ininterrupta.


2. Investimentos de longo prazo


Não é ainda seu caso o de possuir um perfil de análise profunda do mercado digital? É possível, então, começar simplesmente investindo em uma quantidade de Bitcoin e aguardar o mercado se movimentar sozinho, para o aumento de preços e a revenda.

Só fique atento às subidas e descidas do preço. Se você está fazendo apostas para o futuro, e ainda precisa definir o perfil do investidor, essa é uma boa maneira de começar.


3. Tecnologia blockchain em bancos tradicionais


Muitas plataformas já têm aceitado pagamentos online em Bitcoin e, por isso mesmo, alguns bancos convencionais já vêm apostando na tecnologia blockchain para o controle de margens de garantia de derivativos, que são uma forma de investimento.

As transações de comércio exterior têm se beneficiado com esse "protocolo de confiança", pois além de seguro, a conversão de moedas é rápida em operações financeiras nacionais, internacionais e em negociações de contratos.

Nós até poderíamos ter abordado a mineração em Bitcoin, já que ela é uma possibilidade. Porém, esse processo atualmente é feito por um hardware bastante específico, que é montado com o fim de extrair Bitcoins e demais moedas de mesmo algoritmo, e cá entre nós: é um processo para quem sabe e pode, não só para quem quer.

Mas, ávido leitor, a tendência das criptomoedas e todo o arcabouço que as envolvem realmente tem tudo para continuar em ascensão, visto que o próprio Banco Central tem focado nessa tecnologia blockchain. Dito isso, como você tem se preparado para trabalhar com criptos? Que tal fazer um pós-graduação em Blockchain com a EA Banking School e já sair na frente, dotado de poder cognitivo sobre o assunto?

Prepare-se com quem entende do mercado financeiro e esteja atualizado para o mercado!